O Distrito de Portalegre

Director: João Pires Coelho    |    Telefone: 245301620     |    email: jornalodistrito@net.novis.pt

 SECÇÕES
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
Evocação dos 50 anos de alternativa do Cavaleiro Pedro Louceiro
.
Na Biblioteca Municipal de Portalegre está patente ao publico uma Exposição sobre Pedro Louceiro que se insere na evocação dos 50 anos passados sobre a alternativa do cavaleiro de Sousel que foi grande figura do toureiro no País e no Estrangeiro A Directora da Biblioteca Dr.ª Olga Ribeiro realçou o significado desta Exposição algo diferente do habitual, mas seguramente a ir ao cencontro dos interesses e admiração dos que gostam da festa brava Sobre Pedro Louceiro o Presidente da Câmara de Sousel Dr Armando Varei a escreveu da forma justa e elogiosa que se dá a conhecer. As qualidades de Louceiro, como homem e como cavaleiro, reconhecidamente elevadas, honraram sempre o nome de Sousel levando-o inclusivamente além fronteiras. E por isso, sem exagero ou falta de modéstia, que se pode considerar Pedro Louceiro um embaixador da sua terra c do seu Pais. Esta iniciativa marca também uma nova fase do futuro Museu Municipal de Sousel, ao trazer a público parte do trabalho de investigação que tem vindo a ser desenvolvido nos últimos tempos pela equipa muscológica. Este projecto, de inegável importância para o Concelho e não só, foi claramente assumido pela Câmara Municipal de Sousel com o objectivo de preservar e divulgar os aspectos culturais das gentes e da vi da do Concelho, assim como do espólio de imagens religiosas, adquirido há alguns anos por este município. Pedro Louceiro, o Cavaleiro de Sousel Pedro Lemos Louceiro Nasceu em Sousel a 2/5/1927, filho de um pequeno proprietário rural mestre ferrador. Muito cedo começou a ajudar ao desbaste de bestas, nas importantes casas agrícolas onde seu pai trabalhava, revelando grande desembaraço para lidar com os animais que facilmente dominava. Desde muito pequeno acalentou o sonho de vir a ser toureiro e, apenas com 11 anos, estreou-se toureando a pé na castiça Praça de Toiros de Sousel. a forte desejo de chegar a matador de toiros levou-o, durante anos, a lidar reses bravas nas vacadas e garraiadas desta região alentejana. a melhor peão de brega português era nessa altura Júlio Procópio, natural de Avis, que lhe reconheceu as faculdades e o estimulou. E m contacto com João da Cosia Laureano,começou a interessar-se pelo toureio equestre. Toureou em Sousel, em 1947, com uma montada de empréstimo e brilhou bandilrilhando a pé. Entre 1952 e 1954 aparecia como espada mas, a 6/6/1955, já participou como cavaleiro amador numa tourada em Portalegre. Depois seguiu com entusiasmo a profissão e foi revelando as suas excelentes aptidões para o toureio equestre. Na Praça de Touros do Campo Pequeno A 1 de Abril de 1956 em Lisboa, na Praça de Toiros do Campo Pequeno, recebeu a alternativa de cavaleiro profissional das mãos do Mestre Manuel Conde. Foi um sucesso. Entretanto já se vinha distinguindo, pela invulgar habilidade e domínio com que sabia arranjar os cavalos de toureio, no seu tentadero vedado por canas. Contando com a colaboração de Amando Grilo, ensinava os cavalos a tourear preparando-os para se arrimarem aos toiros, para o que usava toiros bravos, pacientemente amestrados, com a ajuda do seu amigo João Luís Teixeira (Alface). Durante dois anos apresentou em praça, muitos espectáculos de equitação e mestria, em que ele próprio invertia as situações. montando toiros ensinados que investiam aos cavalos ou que eram perseguidos por aqueles. Entre colegas de sua confiança, com frequência trocava de montadas, toureando com as que lhe não pertenciam ou emprestando as Suas.

Cultura | O Distrito de Portalegre| 26/04/2007 | 14:07 | 3489 Caracteres



  Últimas Notícias
Bodas de Ouro do P.e Manuel André Pinheiro
ULTREIA DIOCESANA EM CASTELO DE VIDE
Conselho Presbiteral reuniu em Mem Soares
As novas formas de incredulidade (2)
Grupo Folclórico Boavista organizou XIV Festival
Espectáculos de dança e música
Cerejas de S. Julião um produto de qualidade
Um envelhecimento conseguido? Pense nas vitaminas!
ASSP - Construção do Centro de Apoio
O Meu Pai
A importância dum Lóbi Norte Alentejano
A imortalidade da legalidade
Memórias de um Leitor
Professora Albertina Dordio lança livro de poesia
Professor Paulo Lucena mostra obra sobre amor e poesia